Anuidade dos cartões de crédito subiu até 270% após padronização e limitação das tarifas cobradas

A Associação Brasileira de Defesa do Consumidor (Pro Teste) constatou que os brasileiros estão pagando mais pela anuidade do cartão de crédito após a padronização e a limitação a cinco das tarifas que podem ser cobradas. O aumento chegou a 270% no caso do cartão American Express Blue, na comparação entre os valores cobrados em 2010 e em 2011. A alta na anuidade foi de 166% no cartão Reward, do Santander, e de 131% no Ibicard Gold, do banco Ibi. O aumento foi generalizado, superando 20%.

A Pro Teste vai enviar um ofício à Casa Civil e ao Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor (DPDC) informando que, além das taxas de juros altas, os consumidores estão sendo penalizados com a cobrança de anuidades elevadas.

A pesquisa também constatou que, antes da padronização das tarifas, havia mais cartões com anuidade gratuita. As instituições financeiras usavam a anuidade zero como um chamariz para o consumidor e compensavam essa “perda de receita” com a cobrança de outros serviços.

A saída para quem usa cartão de crédito é ficar atento à data de renovação da anuidade e negociar com a administradora a redução dos valores cobrados e até a isenção, informando que, caso contrário, fará o cancelamento. É importante comparar as condições ofertadas por bancos concorrentes e avaliar se vale a pena pagar valor maior por um tipo de cartão como o internacional, por exemplo, se o cliente não faz muitas compras no exterior.

Novas regras

Com as novas regras fixadas pela Resolução 3.919, do Conselho Monetário Nacional (CMN), foram criados dois tipos de cartões de crédito: o básico, exclusivo para o pagamento de compras de bens e de serviços, com anuidade mínima, e que deve ser oferecido por todos os bancos; e o cartão diferenciado, que pode ser associado a benefícios e recompensas como bônus e pode ter tarifas mais elevadas.

Pela Resolução do Banco Central, a limitação de tarifas passou a vigorar em 1º de junho do ano passado para os novos cartões contratados a partir daquela data. A partir de junho deste ano, a regra passa a valer também para os cartões antigos contratados até 31 de maio de 2011.

As cinco tarifas que poderão ser cobradas em todos os cartões são anuidade, emissão de 2ª via, saques em dinheiro, pagamento de contas e pedido de aumento emergencial de limite de crédito.

Fonte: Jornal Extra Online, veja o original aqui

Compartilhe

Participe

Carregando...

Buscar

Compartilhe